Tradução de Machado de Assis esgota em um dia nos EUA


A nova tradução em inglês da obra ‘Memórias Póstumas de Brás Cubas’, de Machado de Assis, esgotou em cerca de 24h nos Estado Unidos, nesta terça-feira, 3. O livro, publicado pelo selo Penguin Classics, é assinado por Flora Thomson-DeVeaux e prefácio do escritor americano David Eggers.

Livro é o mais vendido na Amazon na categoria literatura latino-americana (Reprodução)

 

O escritor inclusive descreve a obra como um dos livros “mais espirituosos já escritos”. O romance de Machado está como o mais vendido da Amazon na categoria de literatura caribenha e latino-americana. A obra também aparece em quinto na categoria de realismo mágico.

‘Memórias Póstumas de Brás Cubas’ já havia recebido outras traduções americanas, como a de William L. Grossman, nos anos 1950, e o lançamento em 2020 faz parte de uma série de novas traduções de Machado de Assis nos Estados Unidos.