Solo ‘O Avô e o Rio’, com Israel Barreto, fica em cartaz em janeiro


Um rio e o seu aterramento. As vazantes e as cheias que levam e produzem com elas as histórias de um neto e o avô. Baseado no conto O Avô e o Rio, do escritor e membro da Academia de Letras da Bahia Aleilton Fonseca, A Outra Companhia de Teatro estreia nesta terça-feira, 8, o espetáculo homônimo com Israel Barreto, que encara seu primeiro solo.

Espetáculo é o primeiro solo de Israel Barreto (Foto: Anderson moreira | Divulgação)

O Avô e o Rio fica em cartaz até o dia 30, com sessões às terças e quartas, às 20h, na Casa d’A Outra, no bairro Politeama. No dia 16 de janeiro não ocorrerá apresentação. Os ingressos estarão disponíveis duas horas antes de cada sessão.

Com direção e adaptação dramatúrgica de Roquildes Junior, o espetáculo versa sobre a relação de um rapaz com o avô e o rio que margeia a casa onde vivem. Como o movimento das marés o narrador-personagem conta lembranças da infância, mergulha fundo nas questões e entranhas da sua biografia – a morte da mãe, desvenda mistérios a respeito da própria história e acompanha a batalha diária do avô para aterrar o rio.

O rio é rito de passagem, metáfora para contar uma convivência marcada por ensinamentos, respeito, de amor mútuo, ainda que em muitos momentos falte o afago, o carinho desse avô endurecido. Ao mesmo tempo, a peça nos leva a refletir na relação do avô com o rio em temas que envolvem a interferência do homem na natureza, mesmo não sendo a abordagem direta: a transposição dos rios; o desmatamento das vegetações às margens dos rios impactando no seu ecossistema; a subsistência das populações ribeirinhas.

 

A montagem tem a direção musical assinada por Roberto Cândido e é ambientada em canções com ambiente ribeirinho que transportam o espectador para um universo interiorano. A visualidade terrosa concebida por Luiz Buranga – responsável pela iluminação, cenário, figurino e maquiagem – nos conduzem a adentrar a casa, o quintal, o rio e todo ambiente ribeirinho cheio de metáforas.

O Avô e o Rio – um solo com Israel Barreto
Quando: 8 a 30 de janeiro (terças e quartas)
Horário: 20h
Onde: Casa d’A Outra – Centro Comercial Politeama, Rua Politeama de Cima, n°114
Quanto: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)