Nando Reis homenageia Roberto Carlos em show lotado na Concha


Por João Guerra

Os ingressos para o primeiro show em Salvador da nova turnê de Nando Reis esgotaram. O público que lotou a Concha Acústica neste domingo (29) viu a apresentação de um cantor e compositor que soube cadenciar uma setlist de músicas mais lentas com canções vibrantes já conhecidas do público.

Nando Reis cantou músicas de Roberto e Erasmo Carlos (Foto: Renata Ribeiro | Cultura Agora)

O músico paulistano não escondeu a sua satisfação de estar novamente na capital baiana para, desta vez, encantar os espectadores, não apenas com sucessos de sua autoria, mas com o romantismo de músicas que fizeram sucesso na voz de Roberto Carlos.

“É sempre bom estar de volta a Salvador e sentir essa energia maravilhosa de vocês aqui na Concha Acústica. Me sinto um privilegiado. ‘Esse amor sem preconceito’ é o nome desta turnê e nela trago canções minhas e do repertório do Roberto que trazem a ideia de que o preconceito é a antítese do amor”, disse Nando Reis.

A turnê estreou em junho deste ano, após o lançamento do disco “Não Sou Nenhum Roberto, Mas Às Vezes Chego Perto”, em que Nando traz músicas já gravadas pelo Rei que tenham algum tipo de conexão com as suas próprias canções.

“Roberto é uma das minhas maiores inspirações. A forma como ele escolheu dizer o que pensa através da música me ajudou e me ajuda a encontrar a minha voz para poder me comunicar com vocês”, comentou, explicando a ideia que inspirou a produção do seu último álbum.

O ex-Titãs abriu o show com a música “Alô”, conhecida na voz de Roberto Carlos, e seguiu emendando com “Segundo Sol”, de sua autoria e sucesso na voz de Cássia Éller, de quem Nando Reis fez questão de lembrar antes de tocar “All Star”, quando pediu a interação do público. “A Cássia era uma estrela. Quero que vocês acendam a lanterna do celular de vocês para a gente simular um céu estrelado para homenagear ela”.

A plateia atendeu o pedido e cantou os versos em uníssono.

A participação intensa do público pode ser percebida. Por diversos momentos durante o show, Nando Reis deixava o microfone de lado e deixava o público cantar as suas músicas, mostrando a sua conexão com a plateia, que pulou no final do show com alguns dos sucessos mais agitados do cantor, como “Sou Dela”, “Luz dos Olhos” e “Do Seu Lado”.