Museu do Louvre tem cerca de R$ 239 milhões em perdas durante pandemia


O presidente do museu do Louvre Jean-Luc Martínez informou nesta quinta-feira, 25, que o local teve mais de 40 milhões de euros de perdas (aproximadamente R$ 239 milhões), durante a crise causada pela pandemia do novo coronavírus. Ele ainda estima que as perdas surgiram de bilheteria, aluguel de espaços e a renda variada.

Presidente do museu anunciou plano para driblar perdas (Divulgação | Louvre)

O chefe do museu também anunciou um plano de transformação para o local. “Estamos trabalhando com o ministro da Cultura, Franck Riester, em um plano de transformação do museu, que será acompanhado por uma solicitação de “ajuda financeira” ao Estado, que já é o primeiro patrono do museu”, destacou.

A meta deste plano é preparar o museu para os Jogos Olímpicos em 2024, disputado em Paris. “Temos que estar prontos e nos preparar para os Jogos Olímpicos. Abrir mais horas, mais salas, é a aposta de 2024”, resumiu Jean-Luc.